segunda-feira, Novembro 30

Seguidores

Isto de não andar uma pessoa ao corrente das coisas gera por vezes estranhas conversas. Quis ele saber quantos seguidores eu tinha, pergunta que assim do pé para a mão me fez franzir o sobrolho e procurar se não quereria dizer perseguidores.

- Não, não! Seguidores. Pessoas que seguem o teu blogue.

Eu não fazia ideia, ele explicou, procedemos à busca e encontrámos dois. Foi a sua vez de levantar o sobrolho, pois, como disse, quem tem um blogue arranja logo dezenas, talvez até centenas de seguidores. Isso funciona como uma espécie de aplausómetro, isso é que dá a medida da popularidade.

- Quantos mais seguidores, mais...

Completou a frase com um encolher de ombros, que tanto podia ser de estranheza pela minha ignorância, como de desdém pela escassez do interesse alheio.

Informei-me, e é facto: blogues há com dezenas e dezenas de seguidores, nalguns até se lhes vê o retrato.

Provavelmente pede-se à família, aos amigos, aos vizinhos e aos colegas que "sigam". O que pouco importa, pois deve ser reconfortante abrir o blogue e dar com aqueles rostos que confirmam a bela certeza: "Seguem-me, logo existo!"