terça-feira, Janeiro 12

A paixão do gelo


Quem aqui chegar ignorante dos usos e costumes estranhará a paixão que nestes dias de­ Sibéria assalta os holandeses. Desde o amor aos animais, passando pela bicicleta, o frenesim de viajar e o frenesim ainda maior da poupança, não lhes faltam paixões. Mas nem de longe haverá uma que chegue aos calcanhares da patinagem sobre o gelo, pois desde que os lagos e canais começam a gelar começam eles a perder a cabeça.
Não é paixão recente, sim multissecular e, uma vez por outra – a última foi em 1997 – quando o gelo é sólido bastante realiza-se na Frísia a Elfstedentocht (Ronda das Onze Cidades), uma corrida de cerca de duzentos quilómetros. Aí a nação desatina em loucura colectiva, o vencedor é promovido a herói nacional.
Em 1997 foram dezasseis mil os participantes, e se não houvesse limite teriam sido centenas de milhar. Na esperança de que volte a acontecer, de momento andam uns cavalheiros a furar o gelo e a medir nele os furos que, infelizmente, ainda se ficam pelos cinco centímetros.
Virá mais frio do Pólo Norte? Irá a Europa Meridional soprar vento quente para estas bandas? Cada povo tem as suas aflições .
---------
Se não acredita, procure os vídeos de "Elfstedentocht" no Youtube.