terça-feira, Março 9

Ele há cada um


Dias atrás realizou-se em Haia um dia de solidariedade para com as mulheres islamitas que usam lenço na cabeça. Pessoalmente não compreendo muito bem qual é o problema, mas estes casos dão-se, sai gente à rua com slogans e aos gritos, a televisão regista "a fúria popular", vem nos jornais, nas notícias das oito, enfim...

Para meu agrado, nestas manifestações de "princípios" quase sempre descubro uma nota cómica, desta vez o cidadão que, como seriamente afirmava, tinha vindo testemunhar o seu apoio "à luta das nossas irmãs árabes". Luta? Ele há cada um.